13 de outubro de 2008

Rescaldo do fim-de-semana

Como se puderam aperceber, na sexta-feira, tive o pior dia da minha vida. O dia começou a correr mal logo de manhã com o acidente e prolongou-se até à tarde. Nem no jornal, as coisas correram bem. Amaldiçoei o dia mais de 500 vezes. Só descansei quando, finalmente, me pus debaixo do chuveiro e senti a água quente a correr por mim.

No fim-de-semana, estive a trabalhar. Fiz a cobertura de um torneio infantil de futebol. A alegria contagiante dos miúdos equilibrou as discussões que tive com um dos colegas que estava a fazer o trabalho comigo. Saltei com os miúdos, meti-me de joelhos para falar com eles, fui sufocada por eles, fui miúda com eles... chorei com os vencidos, e alegrei-me com os vencedores. Há coisas que valem realmente a pena.

E fui mimada. Muito. E isso é bom. Muito bom! Por algumas horas, troquei um monte de chatices e dores de cabeça por uma mão cheia de mimalhices.

14 estrelinhas:

mik@ disse...

sao essas horas pequeninas que valem pelo dia todo :)
há dias assim... dificeis e longos que parece que não tem fim. mas são páginas viradas e ha-de correr melhor :)
bjinhos

NI disse...

Estás bem e foste mimada.

É o mais importante.

Beijos

Djinn disse...

Mimo!!!! Muito mimo...uma das melhores coisas que se pode ter! ;)

sessaoexperimental disse...

há dias assim....e também ficam para trás....vê lá que passado um dia foste rodeada e mimada por anões jogadores de futebol...ahahha...queres melhor? :D

bjinho ;)

Cor do Sol disse...

Nada como uma gargalhada de uma criança. É isso que me anima todos os dias. :)

Beijinho

Manuel disse...

Só agora vi que tiveste um acidente!!! então?? ficou tudo bem?? TU, como é q ficaste? e o carro(não o mais importante, claro)!

Pronto... acabaste por ter uns miminhos!;)

beijinhoooo

Pedro Barata disse...

Gratificante, portanto, esse teu serviço do fds! :)

Bjs

Cristina disse...

Mik@, há dias assim, mesmo! Às vezes, gostava de ter muitos dias como o de sábado; por mim, era sábado todos os dias :)

Ni, e acrescento: muito mimada! :)

Djinn, nem imaginas o quanto. Nunca os mimos me souberam tão bem. :)

Calvin, foi muito bom e a "culpa" não é só dos "anões"... :)

Cor do Sol, e as gargalhadas de 112 crianças?! :)

Manuel, estou bem. Foi um sustito daqueles, mas estou a 100%. O carro nem por isso, mas à velocidade que eu ia, também não sofreu enormidades. Está amassado e no mecânico :)

Pedro, não podia ser tudo mau, né?! :)

Beijoooooossss

Pall Mall disse...

Agora já sabes: depois da tempestade, vem sempre a bonança. Olha as Bolsas de hoje!

Anuska disse...

Oh miga não sabia do teu acidente... ainda bem que estás bem!!!! Toma lá muita beijokas fofas para te mimar um cadinho mais :D

Ulricka disse...

Ola!(Peco desculpas pela falta de acentos)...
Eu fui uma das semi-doutoras de RHCT que praxou CSEM, e lembro-me de ti, alias, eu sou de leiria e ja te conhecia de vista. Sinceramente nao me lembro se te praxei, mas tinha varios afilhados de CSEM.Foi talvez o meu melhor ano na ESEL. Saudades!

Sadeek disse...

Cristina...minha linda...diz só a esta malta quem foram os vencedores, diz! Os que sorriram no fim...AHAHAHAH

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

P.S.- Este fim de semana vai-te correr mal...lá vai o Bartolomeu ficar embuxado...AHAHHA

Philia disse...

Olá,
Somos um blogue de muuuiiito sentimento.
Aguardamos a tua visita.
Até lá,
xD

O pensador disse...

As crianças tem essa particularidade.
A simplicidade dos gestos e sentimentos.
Quando chegamos ao estado de adulto procuramos complicar tanto as coisas, que a gente até se esquece do quanto a simplicidade consegue ser bonita.

Mas felizmente que por vezes, podemos relembrar a criança que ainda vive dentro de nós e nos acompanha toda a vida...

:-)

 

(c)2009 Estrelices. Based in Wordpress by wpthemesfree Created by Templates for Blogger