8 de agosto de 2009

Elevar os bons momentos

Hoje fui à Igreja. Já não ia há algum tempo e hoje apeteceu-me. Na segunda leitura, falava-se de esquecer as agruras, as raivas, as tristezas e ódios. O prior desafiou as pessoas a elevarem as alegrias e os bons momentos, nas situações em que nos apetece desistir de tudo e de todos, especialmente de nós mesmos.

Gostei da homilia, porque me fez recordar os excelentes momentos que experimentei esta semana:

1 - Um reencontro fortuito com dois amigos de infância, que me proporcionou um jantar como há muito tempo não tinha. Rimos, dissemos baboseiras e recordámos os nossos 20 anos de amizade (?), quando temos apenas 26 de idade.

2 - Apesar de estar a atravessar um mau momento - vai ficar desempregada em breve - a minha melhor amiga deu-me uma lição de motivação e de coragem. Sabendo que em Outubro já não tem emprego, já delineou todo um plano de sobrevivência. E vai voltar a estudar.

Há pessoas assim. Que chegam e se instalam nas nossas vidas. Espero que, com estas três pessoas fantásticas, essa estadia se prolongue por muitos anos.

6 estrelinhas:

sessaoexperimental disse...

Igreja???!!!! arggggggggghhhhhhhhhhh

Sadeek disse...

Igreja.....pois........vou-me juntar ao Calvin......AAAAAAAAARGHHHHHHHHH...

Cristina disse...

Calvin e Sadeek... preconceituosos. Ambos!!

Sadeek disse...

Preconceituosos? Pera pera...não me obrigues a falar da igreja e do seu "somos todos iguais aos olhos de Deus" (desde que não sejamos gays, que sejamos cristãos and so on....) ;)

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOS

Cristina disse...

Sadeek, então fazemos já um acordo: não se fala de religião. Sou católica e vou à igreja com alguma regularidade. Mas isso não faz de mim uma radical que concorde com tudo o que é dito e praticado.

O mal está nos radicalismos. Imagina que toda a gente cumpria aquela história de "sexo só depois do casamento e apenas para procriação"... pois... :P

M disse...

Hum... Nesta fico do lado dos homens... Não vou à Igreja porque sinto isso como uma hipocrisia da minha parte, já q n concordo com o q apregoa. Mas se te dá paz, não és menos para mim por isso :-)

 

(c)2009 Estrelices. Based in Wordpress by wpthemesfree Created by Templates for Blogger