28 de maio de 2007

Músicas da minha vida #01

Naqueles trezentos mil inquéritos que circulam pela internet, há uma pergunta comum "Qual é a música da tua vida?". Confesso que tenho sempre grandes dificuldades em responder, porque tenho centenas de músicas que posso considerar a música da minha vida .

Decidi, portanto, aproveitar este meu espaço para ir falando um pouco das músicas que me marcaram, desde... sempre! Começo pela música "Always" dos Bon Jovi. Tinha cerca de 10 anos quando os meus pais me ofereceram uma aparelhagem, como prémio por ter passado para o 5.º ano de escolaridade. Foi a melhor prenda que alguma vez me poderiam ter dado...

A partir daí nunca mais deixei de ouvir música... deixei um pouco de lado os Ministars e Onda Choc que faziam furor para a miudagem da altura e comecei a desenvolver o gosto por outros géneros. Lembro-me que me dividia um pouco pela Rádio Liz e pela antiga Rádio Comercial de Leiria - agora chamada de Rádio 94. E recordo-me que, na altura, (em 1993) a banda que estava na moda era a de uns cabeludos dos quais nunca tinha ouvido falar. Eram os Bon Jovi! Como qualquer garotinha, fiquei fascinada pelo ar rebelde (e lindo!!) do vocalista... fascinação essa que ainda se mantém, apesar da passagem dos anos! A música que aqui coloco foi a primeira que me recordo de ter ouvido...






20 estrelinhas:

gastao disse...

Musica espetacular. Também me identifico muito com ela. Também gosto muito do video clip!... rrss Vasco

Jade disse...

Acho que tal como tu também tenho várias músicas da minha vida... e cada vez que penso num momento especial associo-o a um música, como se a minha vida fosse acompanhada por uma uma banda sonora.
Beijinhos!

gastao disse...

Aproveito para sugerir umas musiquinhas de Tom Jobim, que sei que tambem gostas muito... inté...rrss

Ju disse...

Tchiiiiiiiiii.........Do que me foste lembrar!!!!!!!!
Também me "apaixonei" pelo Jon....e pelas músicas deles.........
Belos tempos........
Beijinhos

Jardim Proibido disse...

As músicas da nossa vida são em geral aquelas que nos fazem lembrar os momentos em que fomos felizes.

Cristina disse...

Obrigada pelos comentários.

Gastão, Ju e Jardim Proibido... bem-vindos ;)

Jade... mais uma vez obrigada pela visita. É óptimo receber-te na minha "casa" :)

Beijinhos a todos e boa semana

Isabel disse...

Música com que me identifico, não tenho uma especial; mas, músicas que dão aquele arrepio... tenho algumas. São aquelas coisas que se sentem mas não se dizem (pelo menos ao público) ;).

Bjt

Capitão-Mor disse...

Hum...nunca fui muito dado às sonoridades do Hard-Rock. Músicas da minha vida tenho muitas, mas talvez me fique por "LOVE SONG" dos Cure...

Alexandre disse...

REsponder à música da minha vida é das questões mais difíceis que me podiam colocar, pois são tantas, tantas! Vivo para a música, diria eu!

Francesa, Chez Moi de Serge Lama, Italiana, Volare de Domenico Modugno, inglesa, My Way de Sinatra, portuguesa «Canção de Madrugar» de Hugo Maia de Loureiro... e mais umas centenas!!!

Beijinhos!!!

Ele há horas assim... disse...

Também passei por essa fase. Ainda tenho comigo alguns discos de vinil desses "cabeludos". E o mais engraçado é ir no carro e de repente a rádio que estás a ouvir passar uma dessas músicas...isso é que é verdadeiramente engraçado!
Também passei pela fase dos Ministars e Onda Choc....mas isso agora não inetressa nada...LOL

mtheman disse...

deixa-me anotar essa dos ministars e onda choc... acho que vai dar uns bons momentos de massacre num próximo jantar ehehehehh

Cristina disse...

Isabel, este foi o primeiro exemplo. Acho que vou criar uma rubrica permanente no blog e desvendar as músicas que têm feito parte da banda sonora da minha vida.

Capitão... confesso que não conheço muito de Cure, mas tenho ouvido falar tanto deles que sou mulher para ir investigar. Falta-me o tempo...

Alexandre... o meu problema é exactamente esse: serem centenas de músicas! Nunca consigo escolher apenas uma. Ó vida infernal!!!

Ele há horas assim e mtheman, já percebi que são amigos por isso têm direito a resposta conjunta. Obrigada pela visita de ambos. Os vossos blogues são assim uma coisa espectacular. Quanto ao meu tema, pahhh... Ministars e Onda Choc - foram uma fase - felizmente que passageira, mas confesso que vibrava com as musiquinhas daquela malta ;)

Miguel F. Carvalho disse...

a verdade é que foram os Bon Jovi a acabar com o verdadeiro rock quando lançaram o álbum "Keep the Faith" e o Jon Bon Jovi decidiu aparecer com um penteado a la cobra capelo...

Capitão-Mor disse...

Episódio 5 da blogsérie no ar!!!

LoiS disse...

Vejo que o Capitão anda a fazer o trabalho de casa. As minhas desculpas por ele - lol

Olha, músicas da vida, essa é uma daquelas perguntas que me é difícil responder, já quanto a grupos, a coisa se torna mais fácil!

Sempre estive ligado a determinadas sonoridades, no entanto, adoro muitas mais que não se enquadram naquele estilo que identifico como meu.

É uma ideia: compactar um CD com as músicas da minha vida, talvez tivesse que editar mas era uma colectânea com diferentes CD´s, divididos por temas e épocas ;) ...

Bjs

Ele há horas assim... disse...

ò mtheman...mas tu andas a ocupar o espaço dos comentários aos posts da Cristina para me enviares recados??? Para isso passavas pelo meu. Agora anda aqui a rapariga, coitada, a ter que ler estas coisas...não havia necessidade...acho eu! :)
Mas já que comentas, olha, tb eu vou comentar...quando eu, a Cristina e muitas outras pessoas ouviam Onda choc e Ministars diz-me lá o que é que tu ouvias. Nã...não acredito que já ouvisses Iron Maiden, Megadeath, Metallica ou Whitesnake...tu ainda não percebias inglês...lol!! :P
Cristina, desculpa a invasão, mas não resisti!
Prometo que passo a responder em sede própria...
Bjos
;)

Cristina disse...

LOL

Estejam à vontade... mi casa es su casa!! Ao menos isto vai animando... continuem a troca de galhardetes... desde que me convidem para o tal jantar onde vai haver massacre por causa dos Ministars e Onda Choc!!

Miguel... mais um visitante vindo do caríssimo Ele há horas assim. Bem-vindo. Cobra capelo? Não tinha reparado... hehehe

Lois... o Capitão é uma das pessoas que conheço desde que me meti nas más vidas dos blogs e viciou-me com esta histórias das blogséries. Estás à vontade para voltares.

sabine disse...

Agora que o workshop acabou, espero que nao desapareças. Foi um prazer conhecer-te e espero tomar café contigo um dia destes. Responde no meu blogue.

mtheman disse...

para sua informação, aqui o menino começou a comunicar em inglês logo a partir da primeira classe...

qualquer dia ainda vamos assistir ao ele há horas assim a cantar no karaoke qualquer grande êxito dos ministars ou dos onda choc :)

Ele há horas assim... disse...

mtheman, ena, ena...o menino foi precoce quanto ao inglês. Quanto ao karaoke, se fôr depois de alguns copitos e depois de uma bela jantarada, até sou bem capaz de fazer um belo "cover" dos Onda Choc...já os Ministars obrigar-me-ão a beber dose dupla...lol.
Cristina,
Estou a ver que ficaste curiosa com o tal massacre sobre os Onda Choc e Ministars. Pois, tanto eu, e penso que falo também pelos outros ilustres vistantes que eu "empurrei" para as "estrelices" (acho que vou começar a cobrar uma comissão :P),teremos todo o prazer em ter a tua companhia num destes jantares-massacre...até já se falou em fazer um jantar da blogosfera. Acho que seria uma excelente ideia...! ;)
Bjos

 

(c)2009 Estrelices. Based in Wordpress by wpthemesfree Created by Templates for Blogger