19 de agosto de 2017

'Tadinho do bloguezinho da sua mãe

Em muitos dos meus dias, penso no Estrelices. Não é um pensamento constante, nem coerente... nuns dias penso que deveria voltar a escrever; em outros, penso em acabar de vez com isto; depois, penso que deveria fazer ao blogue, aquilo que defendo para o Planeta Terra - implodir esta porra de uma vez só, e começar de novo. 
Mas, penso naquilo que me fez criar o blogue, e vejo-o como a minha primeira grande criação, e como sou daquelas pessoas que gosta de guardar até o cotão, por razões emocionais, cá o vou mantendo. De quando em quando, dou-lhe uma golfada de oxigénio para que não se extinga de uma vez. 

Sempre que me ausento, a razão é sempre a mesma: como ganho a vida a escrever, "canso-me" de escrever por recreação, só porque sim... e, nos últimos tempos, há coisas que não têm andado famosas, o que leva a exaustão a um patamar completamente diferente. 

Nem sequer as piadolas do Henrique me têm feito abrir o Blogger. 

Não vos contei aquela vez em que ralhei com ele e, 
num desabafo, disse: 
"Poças... não há quem te ature!". 
A resposta do cavalheiro: 
"se eu tivesse um irmão, não tinhas de me aturar!". 
BANG. Henrique - estratosférico vs Mãe - 0.

A necessidade de parar para reorganizar a mente (e a vida!) é urgente! Voltarei em Setembro - até lá, o meu cérebro está a banhos. 


0 estrelinhas:

 

(c)2009 Estrelices. Based in Wordpress by wpthemesfree Created by Templates for Blogger