6 de maio de 2018

Dia da Mãe

Olá, mãe...

quão estranho é viver este dia, e passá-lo, ao mesmo tempo, com a tua ausência? Durante toda esta semana, vivi ansiosa com a chegada deste dia, porque, viver o Dia da Mãe sem ti, não é vivê-lo plenamente, não é gostá-lo plenamente...

Todos os dias, penso em ti, sabes disso? Todos os dias, penso no que poderia ter feito diferente, no que podia ter dito de outra forma... tivemos as nossas discussões, claro - quem nunca discutiu com a mãe que ponha o dedo no ar - mas, nunca, nunca, nunca duvidámos do Amor.

Todos os dias, imagino-me a ter mais 10 minutos contigo. Apenas 10 minutos mais. Para te dizer apenas mais uma vez o quanto gosto de ti. Queria também pedir-te desculpa, sabes? Com as rotinas e os dias cheios, às vezes, tomamos as pessoas por garantidas, e julgo que fiz isso contigo. Tomei-te como garantida - afinal de contas, só irias partir daqui a muito tempo - e não investi, contigo, todo o tempo que... agora... dou como perdido.

Se eu tivesse mais 10 minutos, iria ficar dormente de te abraçar, juro! Queria ficar agarradinha a ti, e deixar que o silêncio gritasse tudo o que tenho entalado na garganta há mais de oito meses. Só queria ter mais 10 minutos para sentir o calor do teu corpo junto a mim, as tuas mão a passarem-me pelo cabelo e sentar-me no teu colo. Sinto tanto a falta do teu colo, mãe.

Todos os dias, penso em ti, mãe. E era só isto que te queria dizer, por agora... acho.



2 estrelinhas:

C. disse...

Tão lindo... deixou-me assim mesmo emocionada.

Beijinhos,
O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

Princess Cat disse...

As mães são mesmo muito importantes nas nossas vidas.

 

(c)2009 Estrelices. Based in Wordpress by wpthemesfree Created by Templates for Blogger